TRE-BA absolve Targino Machado

O Tribunal Regional Eleitoral da Bahia (TRE-BA) absolveu, na manhã desta segunda-feira, 02/12/19, o deputado estadual Targino Machado (DEM) da acusação de abuso de poder econômico.

A Corte julgou improcedente a ação movida pelo Ministério Público Eleitoral (MPE) pelo placar de 4 a 3. O voto que decidiu o julgamento foi do juiz Freddy Pitta Lima, que opinou pela rejeição da denúncia. Também votaram pela absolvição o presidente do tribunal, desembargador Edmilson Jatahy Fonseca Júnior e os juízes José Batista de Santana e Diego Castro. 

Os que votaram pela condenação foram o desembargador José Edvaldo Rocha Rotondano, a juíza Patrícia Kertzman e o juiz Antônio Oswaldo Scarpa.

O parlamentar foi denunciado pelo MPE por ofertar atendimentos médicos para a população de Feira de Santana com o intuito de angariar votos para sua campanha.

As investigações apontavam que a população era atendida em clínicas clandestinas em Feira de Santana e, de lá, transportada para os municípios de Cachoeira e São Félix, onde tinham acesso, irregularmente, a serviços de saúde do Sistema Único de Saúde (SUS). A denúncia foi apresentada pela Saúde do Estado da Bahia.